sábado, 12 de agosto de 2017

Amor à Santa Igreja



Amemos com todas as nossas forças a Santa Igreja Católica. amemos sua doutrina eterna que nunca pode contradizer-se. Mesmo que soframos perseguições ou incompreensões do pessoal da Igreja sejam eles clérigos ou leigos, nunca deixemos de amar a santa Igreja porque ela é o corpo místico de Cristo. sociedade perfeita e visível sim, mas que não se limita aos membros do clero, porque pertencem verdadeiramente como membros vivos da santa Igreja os que a ela são fieis. Os que sofrem mas nunca a abandonam.
      Nunca devemos coclear nossa fidelidade a um grupo, movimento ou pessoa acima da santa Igreja. Tenhamos muito cuidado com partidos ou exaltação de personalidades. Os movimentos passam; outras espiritualidades surgem. Mas a Santa Igreja permanece. quem hoje entende ou sabe  o que foi o jansenismo. poucos. Mas este passou a Santa Igreja ficou. Seus lideres, teólogos também passam.Mas a Santa Igreja Católica, mãe e mestra permanece.
         Sejamos antes filhos da Igreja. E só depois membros de tal grupo, tal ,movimento. E apenas por amor à Igreja, para melhor servi-la peçamos a estes grupos. Porque se colocarmos nossa adesão ao grupo acima da Igreja corremos o perigo de vier seita. De romper com a unidade do corpo de Cristo. quando os grupos da Igreja se fecham sobre si mesmo e olham os de forma como não membros da Igreja por não pertenceram ao seu grupo estão a um passo de cair na heresia e no cisma. Sempre aconteceu assim na história. Só a mor heroico a santa igreja (apesar de seus membros mortos pelo pecado, e que muitas vezes a trai como Judas traiu Jesus e  que se disfarçam como apóstolos de Cristo, com bem afirmou são Paulo) nos fará permanecer fies  e ama-la porque a vemos com a Igreja é. Corpo místico de Cristo, que não pode errar ou ensinar o erro. Que em sua doutrina, que nunca se contradiz, mas se desenvolve harmonicamente, sempre ensinará o mesmo que foi ensinado antes. Mesmo que  haja os que  inventem novas doutrinas. Estes passam . A Igreja permanece.
    A Igreja do Concilio de Trento é a mesma do Concilio do Vaticano II. Não existe uma Igreja do Vaticano II. Há sim uma  Só Igreja que realizou 21 concílios.
     Peçamos a Deus para que a exemplo de santa teresa d´Avila, Santa Joana d´Arc, morrermos  como filhos da santa Igreja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário